Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

the old soul girl

the old soul girl

28
Ago20

todas as coisas maravilhosas #21

girl

Hoje vou deixar o desafio de lado e vou apenas escrever o que me vai na alma. Uma das coisas que gosto de fazer é perder-me a ler blogs. Nem sempre comento, mas leio muitos posts de variados blogs deste mundo sapo. Gosto de ir ao separador "últimos posts" e explorar. Acabo sempre por ir ter a bom porto e descobrir alguém cujas palavras me envolvem, emocionam ou inspiram. Hoje aconteceu novamente. Dei por mim a ler o blog do início ao fim e a vontade de comentar foi mais forte. E fiquei a pensar naquela pessoa, nas suas palavras, na sua realidade que pude conhecer a partir da sua escrita. Fiquei a pensar na forma como, muitas vezes, leio os vossos textos e gostaria apenas de vos dar um abraço, nos momentos difíceis, ou de me rir com vocês, nos momentos alegres e de boa disposição. Nem sempre consigo encontrar as palavras acertadas quando comento e, por isso mesmo, muitas vezes desisto de deixar qualquer comentário. Porque o que eu queria mesmo era expressar-vos o que vai dentro de mim quando vos leio. E é tanto e é tão difícil fazê-lo. 

Isso deixou-me a pensar como esta comunidade, que apenas se conhece pelas palavras, se consegue entre-ajudar e saber tanto ou mais do que pessoas com quem convivemos todos os dias, frente a frente, olhos nos olhos. É maravilhoso como um simples comentário pode aligeirar uma dor, tornar um fardo um bocadinho mais suportável ou até resolver um problema identificado. Depositamos nas nossas palavras tudo o que trazemos dentro de nós e que não conseguimos, muitas vezes, dizer a quem nos rodeia. E somos acolhidos quase sempre que o fazemos.

Fico maravilhada com este universo. Já li e, por isso, conheci por aqui tantas pessoas de bem, fortes, guerreiras, com histórias de vida inspiradoras, com o coração e a cabeça no sítio certo. É, sem qualquer dúvida, uma coisa maravilhosa. 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    girl 23.09.2020

    Mafalda, pensa seriamente na decisão de criares um blog, acho que irias gostar muitíssimo da experiência. O tempo é um argumento válido, mas que não vale muito ao lado da satisfação que irias sentir :) Eu contra mim falo que, muitas vezes, ando ausente deste mundo precisamente por falta de tempo, mas sempre que regresso e me perco nas leituras dos meus colegas, sinto que vale a pena cá estar :)
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.