Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

the old soul girl

the old soul girl

28
Ago20

todas as coisas maravilhosas #21

girl

Hoje vou deixar o desafio de lado e vou apenas escrever o que me vai na alma. Uma das coisas que gosto de fazer é perder-me a ler blogs. Nem sempre comento, mas leio muitos posts de variados blogs deste mundo sapo. Gosto de ir ao separador "últimos posts" e explorar. Acabo sempre por ir ter a bom porto e descobrir alguém cujas palavras me envolvem, emocionam ou inspiram. Hoje aconteceu novamente. Dei por mim a ler o blog do início ao fim e a vontade de comentar foi mais forte. E fiquei a pensar naquela pessoa, nas suas palavras, na sua realidade que pude conhecer a partir da sua escrita. Fiquei a pensar na forma como, muitas vezes, leio os vossos textos e gostaria apenas de vos dar um abraço, nos momentos difíceis, ou de me rir com vocês, nos momentos alegres e de boa disposição. Nem sempre consigo encontrar as palavras acertadas quando comento e, por isso mesmo, muitas vezes desisto de deixar qualquer comentário. Porque o que eu queria mesmo era expressar-vos o que vai dentro de mim quando vos leio. E é tanto e é tão difícil fazê-lo. 

Isso deixou-me a pensar como esta comunidade, que apenas se conhece pelas palavras, se consegue entre-ajudar e saber tanto ou mais do que pessoas com quem convivemos todos os dias, frente a frente, olhos nos olhos. É maravilhoso como um simples comentário pode aligeirar uma dor, tornar um fardo um bocadinho mais suportável ou até resolver um problema identificado. Depositamos nas nossas palavras tudo o que trazemos dentro de nós e que não conseguimos, muitas vezes, dizer a quem nos rodeia. E somos acolhidos quase sempre que o fazemos.

Fico maravilhada com este universo. Já li e, por isso, conheci por aqui tantas pessoas de bem, fortes, guerreiras, com histórias de vida inspiradoras, com o coração e a cabeça no sítio certo. É, sem qualquer dúvida, uma coisa maravilhosa. 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    girl 28.08.2020

    É verdade, Isinha, é mesmo um exercício de comunicação. Confesso que escrever, por si só, me motiva muito a continuar por aqui, porque quando escrevo, faço-o para mim, é a forma que tenho de libertar muita coisa que carrego comigo mesma. Mas quando publico, apercebo-me que escrevo sempre para alguém, ao mesmo tempo. Não alguém em específico, mas alguém, algures, que ao ler as minhas palavras vai ser capaz de as interpretar, de as sentir, alguém que se vai identificar com aquilo que estou a partilhar. E é muitas vezes nessa comunicação que se gera a magia que no faz sentir vistos, ouvidos,lidos, acolhidos e confortados. Eu encontro muito alento junto de pessoas como tu, a Ana, a V. de Viver, entre muitas outras pessoas que por aqui passam e deixam um bocadinho de si.
    Quando li, no outro dia, aquele comentário que deixaste à Ana, a oferecer ajuda, aquilo emocionou-me muito. A forma como sem nos conhecermos, nos conhecemos melhor do que tanta gente. Este é um lugar de ajuda, de amizade, de partilha, de emoções. É tão bom :)
    Beijinho grande e bom fim-de-semana
  • Imagem de perfil

    Isa Nascimento 28.08.2020

    É mesmo "tão bom". Grata pelas tuas palavras minha querida
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.